Tese, Camila Ferreira de Avila, 2008

 

RESUMO

O presente trabalho teve como objetivo a investigação psicanalítica de professores do ensino superior sobre inclusão escolar. Foi organizado metodologicamente pela realização de uma consulta terapêutica coletiva, durante a qual o Procedimento de Desenhos-Estórias com Tema é usado como mediador dialógico na abordagem de doze docentes, dos cursos de Letras e Pedagogia, que se encarregam da formação de professores de nível fundamental e médio. O acontecer clínico permitiu a elaboração de uma narrativa e a produção de doze desenhos-estórias, originando material clínico que foi analisado à luz do método psicanalítico. Foram captados quatro campos: “o menino de sua mãe”, “(in) capacidades”, “onde está Wally?” e “a dor e a delícia”. Em seu conjunto, tais campos indicaram que o professor sofre quando se defronta com a problemática da deficiência e com a tarefa de incluir.

Texto completo:

ver em pdf