XVIII Congresso Latino-Americano FLAPAG e X Simpósio CEFAS
Mesa: NOVAS PERSPECTIVAS NO TRABALHO CLÍNICO COM GRUPOS

– Fabiana Follador e Ambrosio e Tânia Maria José Aiello Vaisberg

 

RESUMO

O cenário de pesquisa psicanalítica brasileira conta, há alguns anos, com um grupo de pesquisadores que, inspirados pelas concepções epistemológicas do psicanalista argentino José Bleger, juntamente com uma interlocução com o pensamento winnicottiano, propõe um modelo de intervenção clínica denominada estilo clínico ser e fazer. Apresentamos as características e o uso deste tipo de intervenção na pesquisa psicanalítica e no cuidado de indivíduos e coletivos, em âmbito institucional.

Texto completo:

ver em pdf