Caderno Cinza

Texto de Christiane Camps, Clarissa Medeiros e Tânia Maria José Aiello-Vaisberg, extraído do Caderno Ser e Fazer  - Reflexões Éticas na Clínica Contemporânea.

Tendo em vista a importância de se desenvolver e aprimorar práticas clínicas capazes de atender a demandas geradas por sofrimentos que derivam do distanciamento de si mesmo e de sentimentos de irrealidade, apresentamos uma intervenção clínica realizada em ambiente corporativo.

Observamos que o desemprego, a falta de perspectivas, o excesso de atribuições, a impossibilidade de desenvolver projetos próprios, são apenas algumas das queixas relacionadas ao trabalho apresentadas por pacientes nos consultórios de psicologia. No entanto, a impossibilidade de desenvolver um trabalho criativo, que possa fazer sentido pessoal e coletivo, também vem produzindo sofrimentos que poderíamos compreender como decorrentes de dissociações, afastamentos de si e impossibilidade de se relacionar. (…)

 

Texto completo:

ver em pdf